Conheça essas opções de cursos para diversas áreas!

segunda graduação ou pós, especialização e capacitação — e acaba tendo dificuldade para decidir qual mais se encaixa nos seus objetivos profissionais em curto, médio e longo prazos.Para tentar esclarecer esse assunto, neste artigo trouxemos informações sobre a importância da especialização para se destacar enquanto profissional e quais são as vantagens de optar por esses cursos. Também falamos sobre o momento certo de fazer uma especialização e algumas sugestões de áreas para profissionais formados em Direito, Pedagogia, Administração e Engenharia. Por fim, apresentamos a opção de fazer um mestrado, seja profissional ou acadêmico, como um diferencial. Continue a leitura e fique por dentro do assunto!

Entenda a importância de uma especialização e dos cursos de capacitação

Todo profissional que deseja se destacar no mercado de trabalho e conseguir reconhecimento dentro do seu ramo de atuação precisa estar sempre se aperfeiçoando. Hoje, uma especialização profissional aliada a uma série de outras estratégias podem aumentar as chances de conseguir um bom posicionamento dentro do segmento em que atua e ainda conseguir visibilidade entre os colegas. Em um ambiente competitivo e que está em busca dos melhores talentos, quanto mais conhecimento e capacitação uma pessoa tiver, mais chances ela terá de sair na frente dos concorrentes, ampliando as perspectivas de futuro. Para saber outros motivos que atestam a importância da especialização e de cursos de capacitação, confira a seguir!

A necessidade da especialização

O profissional que tem certificados de cursos de pós-graduação, especialização ou cursos livres de capacitação é mais atrativo para os recrutadores, pois passa uma imagem de alguém que é dedicado e interessado em estar sempre aprendendo para desempenhar melhor o seu papel enquanto profissional. Diante desse cenário, a especialização se torna uma necessidade para quem deseja oferecer o melhor trabalho possível dentro da sua área de atuação, uma vez que esses cursos podem ampliar o conhecimento do profissional, alinhando a visão e os objetivos pessoais ao interesse do mercado de trabalho. Em casos em que o profissional já atua dentro do setor, um curso de especialização contribui para agregar ainda mais conhecimento à sua experiência, otimizando o seu desempenho na função.

Mais qualificação para o mercado

As empresas hoje desenvolvem processos seletivos para o recrutamento de pessoal cada vez mais complexos. Para isso, levam em conta aqueles profissionais que, além das características que se alinham à missão e à visão do empreendimento, também demonstram que têm interesse em estar sempre se aperfeiçoando após a conclusão do curso de graduação. Diante disso, o que era antes um diferencial, hoje tornou-se um caminho natural pelo qual todo profissional tem que passar. As empresas estão de olho nesse aspecto e escolhem candidatos que tenham as competências específicas para as atividades destinadas ao cargo. Por essa razão, quanto mais profundidade e competência em uma área o profissional tiver, maiores são suas chances de se destacar diante dos concorrentes e conseguir as melhores vagas. É importante lembrar que, quanto maior e mais reconhecida uma empresa for, maiores são as chances dos recrutadores se dedicarem a buscar profissionais com um alto grau de especialização e que sejam capazes de oferecer soluções rápidas, originais e autônomas para as demandas do negócio.

Diferencial competitivo

Os setores de RH, assim como alguns concursos já fazem, podem exigir como pré-requisito cursos de capacitação e especialização para o desempenho da função proposta. Em um país que sofre com os níveis elevados de desemprego, sai na frente quem tem mais conhecimento na área. É preciso estar atento, pois um número maior de certificados não necessariamente representa que o profissional é o mais qualificado. É preciso focar nos cursos que realmente ofereçam benefícios ao profissional, diante dos conhecimentos que ele já tem e a função na qual deseja atuar. Para não errar na escolha, é fundamental pesquisar sobre as instituições que oferecem a capacitação e fazer uma avaliação sobre quais aspectos são realmente importantes para a formação como metodologia de ensino, quadro de professores, infraestrutura, abrangência, convênios e se o preço se encaixa no orçamento pretendido.

Necessidade de atualização

Alguns setores como tecnologia, inovações e legislação passam por mudanças constantes, por isso, o profissional dessa área deve estar sempre atualizado. Caso não se interesse por aprimorar e reciclar seus conhecimentos, ele acaba passando uma imagem de acomodação diante dos gestores. Com o tempo, a falta de conhecimentos atualizados vai prejudicar o desempenho e a realização de atividades corriqueiras. De uma forma geral, cursos de especialização que tragam atualização dos conhecimentos permitem que o profissional esteja mais alinhado com a realidade da sua função e satisfaça a expectativa de empregadores e clientes.

Descubra qual é o momento certo para investir em cursos de especialização

Depois de entender a importância de fazer uma especialização, você sabe dizer qual é o momento certo de voltar a estudar e escolher uma das opções de curso para se aperfeiçoar? Imediatamente, 1 ano, 2 anos, 5 anos após a graduação ou depois de conseguir um emprego? A resposta é: depende. Selecionamos alguns fatores que podem influenciar na hora de investir em cursos de capacitação. Acompanhe!

Tempo depois de formado

Em casos de cursos de pós-graduação lato sensu ou no formato de MBA, sobretudo na área de gestão, o ideal é esperar um pouco para se capacitar e entrar no mercado de trabalho primeiro. Depois de acumular alguns anos de experiência o curso será mais produtivo, uma vez que esse modelo costuma abordar desafios encontrados no ambiente de trabalho. Assim, ter uma bagagem de atuação profissional vai ajudar o aluno a ter mais compreensão do conteúdo, possibilitando a troca de conhecimento com os colegas e também um melhor aproveitamento dos conhecimentos adquiridos. Em relação aos profissionais que desejam trabalhar em uma área não coberta pela graduação, fazer uma especialização ou uma pós logo após se formar é uma demanda imediata! Já em relação aos cursos de pós-graduação stricto sensu, como o mestrado acadêmico, não é necessário passar pelo mercado de trabalho, uma vez que objetivo dessa modalidade é aprofundar os conhecimentos em uma área e focar o plano de carreira do profissional na área acadêmica, como professor ou pesquisador.

Fase da vida pessoal

Qualquer escolha por um curso de especialização vai exigir conciliar trabalho e estudo — e com isso, tempo e dedicação para acompanhar as aulas, além do tempo gasto com deslocamento, leituras, preparação para provas, desenvolvimento de atividades e apresentação do trabalho de conclusão de curso. Por essa razão, um dos fatores que devem ser levados em conta na hora de optar por uma capacitação é ter disponibilidade de tempo e saber como equilibrar essa demanda com trabalho, vida pessoal, família e lazer. Para ter mais clareza, uma dica é se informar sobre o tempo de dedicação exigido pelo curso. Com isso, é possível fazer um planejamento para tirar o melhor do curso sem abrir mão da vida pessoal.

Vida profissional

Uma pós-graduação é ideal para quem está se sentindo estagnado na profissão, para quem quer mudar de profissão ou está em busca de uma posição com mais responsabilidade ou até já conseguiu uma promoção, mas quer estar mais preparado para as novas atribuições. Entretanto, é preciso estar atento ao fato de que a especialização não deve prejudicar a sua vida profissional, e sim ajudar. Em vista disso, antes de escolher entre as muitas opções de cursos é preciso avaliar a sua disponibilidade de tempo para conciliar as duas atividades sem afetar nenhuma delas. Uma dica para quem está pensando em seguir esse caminho mas está receoso é conversar com alguém que já tenha passado pela situação, um mentor ou mesmo um superior imediato. Nesse último caso, é uma boa oportunidade para negociar horários, apresentar o plano de estudos e demonstrar como essa especialização vai ajudar no desempenho do seu trabalho na empresa. Deixando tudo combinado previamente, será mais fácil negociar faltas ou licenças para terminar os estudos.

Condições financeiras

Antes de se decidir por um curso de especialização é preciso fazer uma avaliação das condições financeiras e analisar se as despesas com o curso em si e se os demais custos como deslocamento, material e alimentação cabem no orçamento. Mesmo que a situação financeira não seja ideal, existem algumas opções que podem facilitar o caminho, como as bolsas e ajuda de custo, normalmente oferecidas por empresas e convênios, além de empréstimos e financiamento, como o FIES (Fundo de Financiamento Estudantil). Também existe a opção de se candidatar a uma bolsa para cursar o mestrado acadêmico em uma instituição pública de ensino.

Plano de carreira

Por fim, mas não menos importante, outro fator a ser considerado é o plano de carreira. Para entender se a especialização é pertinente para a sua carreira, é importante traçar os objetivos profissionais e entender quais caminhos devem ser seguidos para alcançá-los.

Conheça as vantagens da capacitação para a vida profissional

Até aqui já foi possível perceber que fazer uma especialização é importante para o mercado de trabalho, certo? Agora confira quais são as vantagens de se capacitar!

Criação de pensamento estratégico

A capacitação profissional e o contato com novas informações permitem o desenvolvimento do pensamento estratégico para o mercado em qualquer área de atuação.  Com isso, fica mais fácil ter liberdade e confiança para criar, inovar, resolver conflitos, gerar novas oportunidades e pensar em formas de fazer o negócio crescer de maneira sustentável.

Crescimento dentro da área de atuação

Apesar de a capacitação não garantir que o profissional tenha ascensão imediata na carreira, ela permite o reconhecimento do investimento realizado, o que agiliza o processo de promoção. Além disso, com os conhecimentos adquiridos em um curso, o profissional estará apto a realizar as suas tarefas com mais conhecimento e zelo, o que trará recompensa pessoal e profissional, pois os gestores estarão observando esse comportamento. Se a empresa crescer, a chance do profissional crescer também é muito grande. Com esse crescimento vem novas responsabilidades, possibilidades de alavancar a carreira e maiores salários.

Desenvolvimento de novas habilidades

Durante a especialização, o profissional pode aprender e desenvolver novas habilidades para além das obtidas na graduação, o que fará com que seu campo de atuação possa se expandir, melhorando o seu trabalho e capacitando-o para tarefas mais complexas.

Ampliação do networking

Outra grande vantagem da capacitação é que o profissional pode utilizar dos espaços de convivência com outros alunos e aproveitar a oportunidade para fazer o seu marketing pessoal e divulgar seus pontos positivos para o trabalho. Isso é possível porque em um curso de especialização há um forte apelo pela parte prática, o que faz com que os alunos tenham que trabalhar em conjunto na resolução de problemas e na proposição de soluções inovadoras no ambiente de trabalho. Essas habilidades podem repercutir tanto no ambiente de trabalho — já que gestores e colegas perceberão a melhora na performance do profissional — quanto no networking, que é essencial para descobrir novas oportunidades de trabalho. Além disso, nos cursos há a possibilidade de ter aulas com professores que são renomados e atuantes no mercado, que poderão fazer parte da sua rede de contatos e até mesmo na indicação para oportunidades futuras. Tudo isso culmina na ampliação do networking profissional, fundamental para o crescimento e para a consolidação da reputação no ramo de atuação.

Confira as opções de cursos para grandes áreas

Com tantas opções de curso, pode ser difícil optar por um que atenda às expectativas e combine com o perfil profissional. Neste tópico vamos apresentar algumas possibilidades dentro de 4 grandes áreas de formação: Direito, Pedagogia, Administração e Engenharia. Confira!

Área do Direito

A área do Direito oferece muitas possibilidades de carreira, e os cursos de pós-graduação costumam ser feitos por profissionais da área ou por pessoas interessadas em abrir o leque de atuação — que precisam conhecer minimamente sobre as leis do setor em que atuam. A seguir, confira as principais especializações em direito.

  • Direito Penal e Processual Penal: discussões teóricas e práticas referentes às criminalizações, avaliações críticas e criando subsídios para a resolução de situações conflitantes.
  • Direito Processual Civil: destinando ao aperfeiçoamento técnico profissional para a prática processual cotidiana em relação ao Código de Processo Civil.
  • Direito Constitucional e Administrativo: voltado para profissionais que desejam atuar com a prática jurídica administrativa de acordo com as exigências recentes da área.
  • Direito Empresarial: atualização profissional para operar conceitos jurídicos dentro de empresas e a sua aplicação. São também assuntos desse curso comércio eletrônico, atividade ao consumidor e direitos relacionados ao consumidor.
  • Direito Previdenciário: tem como foco a compreensão do sistema de seguridade social brasileiro.
  • Direito Trabalhista: prepara o profissional para atuar de forma preventiva, consultiva e litigiosa em questões referentes às Leis Trabalhistas.

Área da Pedagogia

O profissional de pedagogia atua principalmente nos níveis infantil e fundamental de ensino, mas com uma capacitação ou um curso de pós-graduação que expanda o seu leque de atuações, esse profissional pode buscar oportunidades em outros segmentos para além da gestão escolar — como em empresas públicas e privadas, na produção de material didático e em recursos humanos. As principais especializações que a pedagogia pode oferecer são as listadas abaixo.

  • Gestão escolar: especialização para capacitar o pedagogo a organizar e orientar os professores, pais e alunos e atuar no planejamento e no cumprimento do projeto político pedagógico da escola.
  • Produção de material didático: com foco em preparar o profissional para assessorar na produção do material para gerar interesse nos alunos.
  • Cursos a distância: o profissional especializado nessa área pode atuar como tutor ou gestor de cursos EAD, produzir materiais didáticos e assessorar na criação do plano de ensino.
  • Pedagogia empresarial: curso visando capacitar o pedagogo para dar suporte ao treinamento de pessoal, alinhado aos objetivos da empresa.
  • Psicopedagogia: foca na interseção entre os campos da psicologia e pedagogia, possibilitando que o profissional analise os diversos fatores que afetam a aprendizagem.
  • Pedagogia social: destinado a formar profissionais aptos a mediar conflitos, propondo soluções que reduzem a violência — com isso, pode atuar em entidades governamentais e não governamentais de diferentes naturezas.

Área da Administração

Hoje em dia a formação em administração é mais generalista e prepara o profissional para operar princípios básicos desse campo de conhecimento. Quem deseja se aprofundar em um segmento precisar buscar uma especialização. Existem diversas possibilidades para os profissionais com essa formação. Confira algumas das principais.

  • Gestão de pessoas: prepara o administrador para agir estrategicamente em recursos humanos, lidar com situações complexas e identificar os perfis de outros profissionais.
  • Gestão de negócios: com essa especialização, o profissional consegue compreender como estão interagindo os diversos setores de uma empresa, verificando aspectos externos e internos.
  • Administração pública: capacita para a compreensão das práticas administrativas para organizações públicas.
  • Gestão em marketing: focado em especializar o profissional para entender o comportamento do cliente e para criar as melhores estratégias para relacionar com o público. Além disso, consegue compreender omo integrar todos os setores da empresa para aumentar as vendas.
  • Logística: o profissional se torna apto a desenvolver uma visão sistematizada da cadeia de suprimentos empregando modelos, técnicas e ferramentas específicas na gestão eficiente. Atua na gestão eficiente dos custos e no fluxo logístico de materiais e informações, gerando diferencial competitivo e valor para o cliente.
  • Finanças: fornece uma formação que permite ao profissional oferecer soluções originais e embasadas para os problemas de um negócio, avaliando a situação de empresas e projetos, precificando operações, desenhando estruturas de governanças e controlando gastos.

Área da Engenharia

As engenharias têm crescido muito nos últimos anos, mas não supre a demanda do mercado que prioriza profissionais especializados em determinadas áreas. Existem diversas possibilidades de atuação, mas para escolher a área que mais combina com o perfil profissional, o indicado é procurar pelo que tem mais demanda na região onde se vive e observar quais são as suas habilidades. As principais especializações são:

  • MBA em engenharia sanitária e ambiental: voltada para o cuidado com os recursos naturais, garantindo condições sanitárias adequadas para a população.
  • Cálculo de estruturas: foca em capacitar o engenheiro para lidar com a dinâmica das mais variadas estruturas, realizar funções e prever problemas.
  • Engenharia de segurança do trabalho: com essa especialização, o profissional pode criar ambientes seguros para os funcionários de uma empresa, evitando acidentes dentro da legislação e das normas técnicas.
  • Gestão e desempenho de edificações: esse curso oferece ferramentas para que o engenheiro ateste a qualidade de uma construção, como orçamento, planejamento de projeto, gerenciamento de obras e descrição de materiais.

Saiba mais sobre o mestrado como opção de especialização

Quem deseja se aprofundar ainda mais em um tema e se diferenciar no mercado de trabalho pode ter no mestrado a solução esperada, mas antes é preciso entender que existem dois tipos de mestrado: o profissional e o acadêmico. O mestrado profissional exige que o aluno realize uma produção científica baseada em hipótese, mas diferentemente do acadêmico, tem como objetivo transmitir de forma rápida o conhecimento técnico científico para o mercado de trabalho.

Para isso, forma os profissionais a partir de conhecimentos mais alinhados às demandas das empresas. Já o mestrado acadêmico tem como propósito desenvolver o conhecimento que contribua para aprofundar temas relevantes para a sociedade. O profissional que passa por essa formação está apto a ser um pesquisador ou docente de nível superior. Em ambos os casos, os alunos precisam fazer disciplinas, entregar trabalhos e defender uma dissertação no final do curso, que atestará a habilidade para receber o título de mestre.

De uma forma geral, o mestrado é importante para o profissional porque também permite a especialização, amplia as possibilidades de atuação, aumenta as chances de um salário melhor (sobretudo nos setores públicos), apresenta melhorias no amadurecimento, a ampliação de networking e possibilita uma nova forma de enxergar o mundo.

Vale destacar que a escolha por esse tipo de formação deve ser feita com cautela, pois um curso de mestrado dura em média 2 anos, e caso o aluno seja bolsista pela universidade, exige dedicação exclusiva nesse período, sob pena de suspensão do benefício. Como vimos, existem diversas opções de cursos de especialização para todas as áreas. Entretanto, escolher a que mais se encaixa no perfil do profissional é uma tarefa individual, uma vez que cada um precisa avaliar sobre a necessidade, a disponibilidade de tempo, a viabilidade econômica e os benefícios que essa capacitação trará.

De uma forma geral, uma especialização que faça sentido dentro da sua área de atuação e dos seus objetivos profissionais trará inúmeros benefícios que certamente o levarão a conquistar as melhores posições no mercado de trabalho.

Se você gostou deste conteúdo e quer receber em primeira mão as novidades sobre educação e cursos de especialização, assine a nossa newsletter!

No Comments

Post A Comment